CURSO DE Especialização

Intervenção Social com Famílias

4ª Edição

Área do Curso
Humanidades
Modalidade
Presencial
Turno
Noite

Apresentação

Programe-se

Início
03 de Abril de 2018

Inscrições até 29/03/2018

Período
03/04/2018 a 31/07/2019
364 horas-aula
Dias e Horários
Semanalmente às terças e quartas-feiras
das 19h30min às 22h45min.

Introdução ao Curso

O curso vai abordar as distintas configurações de famílias na contemporaneidade e as possibilidades de intervenção profissional. A Especialização é voltada para profissionais das áreas das ciências humanas, em especial as Ciências Sociais e Ciências da Saúde.

O Curso na modalidade em que esta sendo proposto esta em sua quarta edição. A cada Edição amplia-se a discussão sobre Família a partir dos apontamentos e avaliações dos docentes e discentes na busca constante da excelência e inovadora, respondendo aos desafios contemporâneos. A coordenação e execução é do Curso de Serviço Social da Escola de Humanidades e está sustentada na trajetória histórica dessa profissão que tem consolidado ao longo de seu percurso saberes e experiências na abordagem com famílias, em especial as que vivem de forma mais expressiva vulnerabilidades e riscos sociais, o que confere uma notável competência nas dimensões teórico-metodológico, ético-política e técnico operativa para intervir e formar profissionais neste campo. No compromisso com um conhecimento que dê conta da diversidade e complexidade da realidade, o Curso pretende absorver profissionais de outras áreas, seja das Humanas, Sociais, Educação, Comunicação, e Saúde que tenham interesse na abordagem com famílias na interface com as políticas públicas.

Objetivos

Abordar as distintas configurações da Família contemporânea e as possibilidades de intervenção profissional que potencializem as famílias como sujeitos na busca da efetivação de seus direitos e na construção de possibilidades diversas de enfrentamento aos desafios postos pela realidade.

Público-Alvo

Profissionais de nível superior de diferentes formações que atuem com famílias e/ou interessados no tema.

Diferenciais do Curso

  • Constituição de um corpo docente e discente interdisciplinar;
  • Preparação para intervenções inovadoras com famílias;
  • Construção do saber de excelência para responder as novas demandas da realidade social.

Ao Final do Curso o Aluno Estará Capacitado a

  • Elaborar novas compreensões a respeito dos processos vivenciados pelas famílias neste momento histórico;
  • Compreender as novas configurações familiares;
  • Propor formas inovadoras de abordagem das e com as famílias;
  • Ampliar os conhecimentos sobre o tema tendo como pano de fundo as políticas sociais.

Unidade Promotora

Escola de Humanidades

Inscrições

Pré-Requisitos

  • Diploma de curso superior;
  • Graduados interessados na temática abordagens com famílias no campo social, até o limite de 30 alunos matriculados;
  • Disponibilidade para participar das aulas e cumprir o cronograma estabelecido.

Pode ser realizada pela internet ou presencial. O candidato deverá encaminhar o currículo. As vagas são limitadas e a PUCRS se reserva o direito de modificar e/ou prorrogar o período de inscrições.

Processo de Seleção dos Candidatos

  • Análise de Currículo.

Documentos Necessários para Matrícula

Para fins de matrícula e confecção dos certificados de conclusão de curso é necessário que o aluno apresente, obrigatoriamente, no momento da matrícula UM dos seguintes documentos:

  • RG Civil (para brasileiros);
  • Carteira de Trabalho;
  • Passaporte;
  • Certidão de Nascimento;
  • Carteira de Conselho (deve constar no documento nome de pai e mãe e a naturalidade);
  • CNH (só será aceita como documento de identificação do aluno se for apresentada juntamente com documento complementar que informe a naturalidade do aluno).

Além de um dos documentos listados acima o aluno deverá, obrigatoriamente, enviar a cópia do diploma de graduação.

Período de Matrícula

Início: 07/11/2017
Término: 29/03/2018

Disciplinas

História Social da Família

Problematizar a história social da família, com destaque para a história da criança e as mudanças no papel da mulher a fim de possibilitar uma compreensão critica dessa história contribuindo para a desmistificação de modelos e estruturas cristalizadas a respeito deste grupo social. Resgatar a história da família brasileira sua construção social. (Trata-se de disciplina teórica)

Desafios para a Família e para os Processos Interventivos: infância, adolescência e juventudes

Debate da construção histórica dos direitos e políticas públicas para a infância, adolescência e juventudes. Reflexão sobre as estratégias de intervenção social com crianças, adolescentes e jovens no âmbito das diversas instituições.

Desafios para a Família e os processos interventivos: contribuição a partir de diferentes áreas do conhecimento

A disciplina pretende abordar os enfrentamentos postos pela realidade da sociedade contemporânea às famílias e que exigem das profissionais ações interventivas pautadas em conhecimento teórico-metodológico e compromisso ético com ênfase na violência de gênero e nas leis de proteção amparados em abordagens e interpretações antropológicas e/ou de outras áreas do conhecimento.

Desafios para a Família e os processos interventivos: casamento, separação e adoção

A disciplina pretende abordar os enfrentamentos postos pela realidade da sociedade contemporânea às famílias e exigem dos profissionais ações interventivas pautadas em conhecimento teórico-metodológico e compromisso ético.

A Família na Sociedade contemporânea e os processos interventivos: famílias em vulnerabilidade

A disciplina pretende abordar os desafios postos às práticas profissionais com famílias em situação de vulnerabilidade com ênfase na comunicação e organização familiar, e nos processos de resiliência.

Metodologia da Produção Científica

Problematizar implicações éticas presentes na investigação cientifica e na produção de material teórico. Realizar a análise dos diferentes tipos de conhecimento e da evolução da ciência. O método científico em suas várias etapas. Apresentação, estrutura e organização do trabalho científico. A comunicação técnica e a redação técnica. Compreensão e interpretação de textos.

Metodologia da Pesquisa e Elaboração de Projetos

Subsidiar participantes com conhecimentos próprias sobre Metodologia de Pesquisa que estimule a investigar de forma crítica a realidade e a partir deste conhecimento propor ações de intervenção propositivas e adequadas às demandas. Discussão e reflexão sobre a importância de elaborar projetos com ênfase nas particularidades dos projetos sociais. Caracterização das etapas de um projeto social. Exercícios práticos para a elaboração de projetos sociais.

Implicações éticas na abordagem com famílias

Problematizar as concepções de ética articulando com os cuidados éticos necessários na atuação profissional com famílias relacionando importância da Humanização e da Bioética nas abordagens.

Abordagens com famílias

Subsidiar quanto à elaboração de propostas metodológicas de intervenção nas relações familiares a partir da identificação das expressões da questão social. Promover a construção de propostas alternativas a partir de processos de investigação na realidade das famílias atendidas pelos participantes do curso. Reiterar a importância da instrumentalidade para abordagem com famílias e que possam ser utilizadas pelos profissionais de diferentes áreas de formação.

Dinâmica familiar

Subsidiar e promover a reflexão sobre o sistema relacional familiar considerando aspectos emocionais e psicológicos vinculados a dinâmica familiar propiciando melhor compreensão dos processos vividos pelas famílias.

Intersetorialidade entre as políticas públicas e centralidade na família I

Ao trabalhar o tema Intersetorialidade entre as políticas públicas e família articulará as diferentes políticas brasileiras, com destaque para a Política de Saúde e a direção desta na abordagem com famílias. Pretende-se abordar as diferentes concepções apresentadas pelas políticas, ações, programas e os diferentes equipamentos: NASF, ESF, etc.

Intersetorialidade entre as políticas públicas e centralidade na família II

Ao trabalhar o tema Intersetorialidade entre as políticas públicas e família articulará as diferentes políticas brasileiras, com destaque para a Política de Assistência Social e a direção desta na abordagem com famílias. Pretende-se abordar as diferentes concepções apresentadas pelas políticas, ações, programas, e os diferentes equipamentos: CRAS, CREAS, etc.

Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso - TCC

O TCC poderá ser concluído no prazo máximo de até 6 meses após a realização das disciplinas. Os horários de orientação serão definidos por cada Unidade Acadêmica.

Professores

  • Dr. Adolfo Pizzinatto
  • Dra. Beatriz Gershenson
  • Dra. Bettina S. dos Santos
  • Dra. Camilia Susana Faler
  • Ma. Claudia D. Giongo
  • Dra. Claudia W. Cruz
  • Dra. Fernanda B. Ribeiro
  • Dr. Francisco A. Kern
  • Dr. Giovane A. Scherer
  • Dra. Ines Amaro da Silva
  • Dra. Maria Isabel B. Bellini
  • Dra. Maria R. F. de Azambuja
  • Dra. Patricia K.Grossi
  • Ma. Rebel Z. Machado

Coordenação

  • Profa. Inês Amaro da Silva
  • ines.amaro@pucrs.br
    Professora assistente da PUCRS. Doutrora em Educação. Didata da Sociedade Brasileira de Dinamica dos Grupos.
  • Profa. Dra. Maria Isabel Barros Bellini
  • maria.bellini@pucrs.br
    Professora adjunta da PUCRS. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Trabalho, Saúde e Intersetorialidade/NETSI. Assistente social do Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

Investimento

Período de PagamentoValor da Matrícula
07/11 a 14/12/2017R$ 459,00
15/12/2017 a 15/01/2018R$ 486,00
16/01 a 15/02/2018R$ 513,00
A partir de 16/02/2018R$ 540,00
O pagamento deve ser realizado na data da matrícula. Os valores acima são válidos somente para os períodos informados.
PúblicoValor da Mensalidade
Público em geral
R$ 540,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 540,00
PUCRS Alumni
R$ 475,20
Matrícula + 18 parcelas de R$ 475,20
  • Para dependentes de funcionários da PUCRS;
  • Para professores, técnicos administrativos e pais de alunos da Rede Marista;
  • Grupos de 5 ou mais participantes de uma mesma empresa ou empresas conveniadas;
  • Funcionários do Centro Clínico, RAIAR e empresas instaladas no TECNOPUC;
  • Dependentes de funcionários do INSCER, Gráfica EPECÊ e HSL.
R$ 486,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 486,00
Estudantes com faixa etária de 50 a 59 anos
R$ 432,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 432,00
Estudantes com faixa etária superior a 60 anos
R$ 378,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 378,00

Matrícula

O pagamento do valor de matrícula deverá ser realizado na data da matrícula. O valor diferenciado, para as demais parcelas, é concedido a partir da primeira mensalidade do curso. As mensalidades iniciarão após o início do curso, com vencimento no dia 15 de cada mês, via boleto bancário.

Orientações Financeiras

Na modalidade de pagamento à vista é concedido ao estudante a redução de 10% sobre o valor de todas as parcelas. E, em havendo o cancelamento ou trancamento do curso, o cálculo dos valores de devolução referente as parcelas vencidas, será desconsiderada a redução concedida desde a matrícula paga.

Financie seu Curso com o Crédito Educativo

O Crédito Educativo possibilita o financiamento de 50% das parcelas do curso, com prazo de restituição equivalente ao número de parcelas utilizadas.



Você também pode estar interessado em