CURSO DE Especialização

Saúde Coletiva

Com Ênfase em Saúde da Família - 1ª Edição

Área do Curso
Saúde
Modalidade
Semipresencial
Turno
Manhã, Tarde, Noite

Apresentação

Programe-se

Início
10 de Agosto de 2018

Inscrições até 29/06/2018

Período
10/08/2018 a 10/06/2019
360 horas-aula
Dias e Horários
Mensalmente
Aulas teóricas, uma vez ao mês, às sextas-feiras, das 18h45min às 22h e, aos sábados, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Aulas práticas, distribuídas, em no máximo, 40 horas semanais, conforme disponibilidade das unidades de saúde e do aluno.

Introdução ao Curso

No competitivo cenário da saúde a busca pelo conhecimento é o caminho para as melhores oportunidades no mercado de trabalho. O Projeto de Especialização em Saúde Coletiva com ênfase em Saúde da Família, integra-se ao movimento promovido pelo Ministério da Saúde, em conjunto com o Ministério da Educação, com vista à formação de profissionais para atender aos princípios do Sistema Único de Saúde, em especial ao princípio da Integralidade da Atenção à Saúde. O Curso está organizado segundo a Estratégia de Saúde da Família e integrado à Rede Municipal de Saúde de Porto Alegre, no Distrito Sanitário Leste/Nordeste, articulados à Rede de Atenção em Saúde. Sob este enfoque a Escola da Saúde desenvolve Projetos Pedagógicos para a formação dos diferentes profissionais de Saúde, articulando o Ensino de Graduação e Pós-Graduação aos Serviços de Saúde integrados ao SUS.

Público-Alvo

Enfermeiros com ou sem experiência na área de Saúde da Família.

Diferenciais do Curso

  • Dinâmicas de aprendizagem valorizando a perspectiva da de um trabalho interdisciplinar e interprofissional, na rede de atenção à saúde;
  • Conhecimento da rede de serviços de saúde e de suporte social, com vistas ao exercício de ações intersetoriais;
  • Aulas práticas utilizando o laboratório de simulação realística;
  • Realização de parte do curso, à distância;
  • Formação no campo da saúde coletiva e no núcleo de enfermagem, fortalecendo o trabalho assistencial do enfermeiro na Saúde da Família;
  • Realização de visitas orientadas em diferentes pontos da Rede de Atenção em Saúde, com o intuito de fortalecer a integralidade e longitudinalidade do cuidado.

Ao Final do curso o Aluno Estará Capacitado a

  • Analisar criticamente a realidade do serviço e área de abrangência sob sua responsabilidade, compreendendo o processo dinâmico da saúde-doença da comunidade, das famílias e dos indivíduos;
  • Atuar em equipes multidisciplinares na perspectiva interdisciplinar e interprofissional, com vistas à humanização da assistência, a integralidade da atenção, a melhoria dos indicadores qualitativos da saúde, a redução do tempo de hospitalização;
  • Planejar as intervenções a indivíduos, família e coletividade considerando o perfil epidemiológico da população, os princípios do Sistema Único de Saúde, os saberes do campo da saúde da família e da comunidade e o conhecimento próprio do Núcleo de Saber e Prática;
  • Participar e promover ações voltadas ao controle social das ações em saúde;
  • Identificar, analisar e avaliar as informações em saúde para o planejamento e intervenção, nos níveis individual, familiar e coletivo com vistas à prevenção de agravos, promoção e atenção à saúde;
  • Identificar e atuar na rede de serviços de saúde dos diferentes níveis de atenção e de suporte social, com vistas a ações intersetoriais;
  • Contribuir para o processo de qualificação da Estratégia de Saúde da Família e da implementação do Programa Nacional de Humanização nas práticas dos serviços de saúde;
  • Desenvolver a pesquisa e gerar conhecimentos que contribuam para o aprimoramento das práticas em saúde integradas ao SUS.

Unidade Promotora

Escola de Ciências da Saúde

Inscrições

Pode ser realizada pela internet ou presencial. O candidato deverá encaminhar o currículo. As vagas são limitadas e a PUCRS se reserva o direito de modificar e/ou prorrogar o período de inscrições.

Processo de Seleção dos Candidatos

  • Análise de Currículo;
  • Entrevista.

Documentos Necessários para Matrícula

Para fins de matrícula e confecção dos certificados de conclusão de curso é necessário que o aluno apresente, obrigatoriamente, no momento da matrícula UM dos seguintes documentos:

  • RG Civil (para brasileiros);
  • Carteira de Trabalho;
  • Passaporte;
  • Certidão de Nascimento;
  • Carteira de Conselho (deve constar no documento nome de pai e mãe e a naturalidade);
  • CNH (só será aceita como documento de identificação do aluno se for apresentada juntamente com documento complementar que informe a naturalidade do aluno).

Além de um dos documentos listados acima o aluno deverá, obrigatoriamente, enviar a cópia do diploma de graduação.

Disciplinas

Políticas públicas de Saúde no Brasil e o SUS

Abordagem de conceitos referentes a Políticas e Sistemas de Saúde: perspectiva histórica; Sistema Único de Saúde: princípios, diretrizes e processos de trabalho; prioridades em saúde, atenção integrada em saúde em diferentes contextos de trabalho.

Epidemiologia e Vigilância em Saúde

Aborda a Epidemiologia enquanto campo científico e eixo fundamental no campo da saúde e, em especial, da informação em saúde. Enfatiza os elementos da Epidemiologia Descritiva, da Vigilância Epidemiológica, da Vigilância Ambiental, da Vigilância Sanitária e os modos de transmissão e prevenção das doenças transmissíveis mais frequentes e emergentes, considerando as relações étnico-raciais da população brasileira, bem como aspectos relacionados à responsabilidade social e ambiental da Saúde e da Enfermagem.

Processo de Trabalho em Saúde e Enfermagem

Disciplina que destaca a Saúde Coletiva como um campo de conhecimento e práticas interdisciplinares e intersetoriais. Aborda a dimensão política, conceitual e prática-operacional da Enfermagem na Saúde Coletiva, enquanto prática social, considerando os determinantes no processo saúde-doença e buscando a transformação das condições e da atenção à saúde da população. Com ênfase no processo de trabalho em equipe multiprofissional, interdisciplinar e interprofissional e na segurança do paciente.

Enfermagem na Assistência Integral à Saúde da Mulher

Disciplina que desenvolve o cuidado de enfermagem no ciclo vital da mulher, incluindo o planejamento familiar, promoção da saúde e prevenção de agravos, processo reprodutivo gravídico-puerperal e neonatal, envolvendo o trinômio mãe/pai e filho e a família como unidade de cuidado e o climatério. Fundamenta-se nas linhas de cuidado com enfoque na APS.

Enfermagem na Assistência Integral à Saúde do Adulto e Idoso

Disciplina que aborda a Promoção da Saúde da pessoa adulta e o envelhecimento ativo, desenvolvendo o cuidado integral por meio de atividades e ações de enfermagem em nível de atenção primária e secundária. Fundamenta-se na responsabilidade social e ambiental, nas diretrizes e protocolos assistenciais das linhas de cuidado e redes de atenção à saúde do adulto, nas Políticas sociais do envelhecimento e na Política Nacional da Saúde do Idoso, assim como no processo de enfermagem.

Enfermagem na Assistência Integral à Saúde da Criança e Adolescente

Disciplina que desenvolve o cuidado de enfermagem à criança e ao adolescente. Busca desenvolver competências e habilidades às ações inerentes ao crescimento e desenvolvimento, reconhecendo a família como unidade de cuidado. Enfatiza a inserção crítica e reflexiva do profissional enfermeiro contextualizada nas políticas de saúde, no nível de atenção primária para a criança e o adolescente (desenvolvendo ações nos níveis de prevenção primária, secundária e terciária). Fundamenta-se na epidemiologia e na sistematização da assistência de enfermagem, considerando os princípios éticos, de humanização, de segurança e dos direitos da criança e do adolescente.

Atendimento em Situações de Urgências em APS

Disciplina que desenvolve o cuidado de enfermagem integral ao adolescente, jovem, adulto e idoso em situações de urgência e emergência na APS, abordando os agravos prevalentes e o acolhimento ao paciente e à família.

Enfermagem na Saúde Mental

Disciplina que oferece, por meio de uma visão crítica e reflexiva, o estudo da organização da atenção em saúde mental e a reorientação dos modelos tecno-assistenciais. Analisa a Reforma Psiquiátrica e as políticas públicas de saúde mental. Aborda os espaços de atenção em saúde mental na Atenção Básica e na perspectiva de compreensão da rede de serviços substitutivos de saúde mental. Aborda o processo de adoecimento na área de saúde mental, com ênfase nas psicopatologias prevalentes e o desenvolvimento de competências para a realização do cuidado de enfermagem na APS. Fundamenta-se na política da saúde mental, Política Nacional da Atenção Básica e de promoção à saúde.

Pesquisa em Saúde

Aborda os princípios da elaboração e desenvolvimento de temas atuais e/ou inovadores de saúde, que fundamentam os projetos de pesquisa. Fornece os parâmetros básicos para elaboração, redação e apresentação de relatório das atividades desenvolvidas.

Enfermagem na Assistência Integral à Saúde do Homem

Aborda a Política Nacional da Saúde do Homem. Descreve as principais patologias que acometem os homens e as estratégias políticas, no cenário brasileiro. Discute a saúde e sexualidade na concepção masculina.

Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso - TCC

O TCC poderá ser concluído no prazo máximo de até 6 meses após a realização das disciplinas. Os horários de orientação serão definidos por cada Unidade Acadêmica.

Professores

  • Dra. Ana Figueiredo
  • Ma. Andrea Bandeira
  • Dra. Andreia Gustavo
  • Dra. Beatriz Sebben Ojeda
  • Dra. Ellen Magedanz
  • Ma. Eveline Rodrigues
  • Dra. Fernanda Salazar Meira
  • Me. Fernando Ritter
  • Ma. Heloisa Bello
  • Ma. Heloisa Helena Rousselet  de Alencar
  • Dra. Janete Urbanetto
  • Dra. Kelly Dayane Velozo
  • Dr. Marcio Neres
  • Dra. Maria Cristina Lore Schilling
  • Dra. Valéria Corbellini

Coordenação

  • Prof. Dra. Andrea Gonçalves Bandeira
  • andrea.bandeira@pucrs.br
    Graduada em Enfermagem e Obstetrícia (bacharealdo e licenciatura pela UFPel. Especialista em Saúde da Família e Comunidade pelo PREMUS/PUCRS. Mestre e doutoranda em Enfermagem pelo PPGENF UFRGS. Professora Assistente do Curso de Graduação em Enfermagem da Escola de Ciências da Saúde.

Investimento

Período de PagamentoValor da Matrícula
De 14/05/2018 a 16/06/2018R$ 459,00
De 17/06/2018 a 30/06/2018R$ 486,00
De 01/07/2018 a 14/07/2018R$ 513,00
O pagamento deve ser realizado na data da matrícula. Os valores acima são válidos somente para os períodos informados.
PúblicoValor da Mensalidade
Público em geral
R$ 540,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 540,00
PUCRS Alumni
R$ 486,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 486,00
  • Para dependentes de funcionários da PUCRS;
  • Para professores, técnicos administrativos e pais de alunos da Rede Marista;
  • Grupos de 5 ou mais participantes de uma mesma empresa ou empresas conveniadas;
  • Funcionários do Centro Clínico, RAIAR e empresas instaladas no TECNOPUC;
  • Dependentes de funcionários do INSCER, Gráfica EPECÊ e HSL.
R$ 475,20
Matrícula + 18 parcelas de R$ 475,20
Estudantes com faixa etária de 50 a 59 anos
R$ 432,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 432,00
Estudantes com faixa etária superior a 60 anos
R$ 378,00
Matrícula + 18 parcelas de R$ 378,00

Matrícula

O pagamento do valor de matrícula deverá ser realizado na data da matrícula. O valor diferenciado, para as demais parcelas, é concedido a partir da primeira mensalidade do curso. As mensalidades iniciarão após o início do curso, com vencimento no dia 15 de cada mês, via boleto bancário.

Orientações Financeiras

Na modalidade de pagamento à vista é concedido ao estudante a redução de 10% sobre o valor de todas as parcelas. E, em havendo o cancelamento ou trancamento do curso, o cálculo dos valores de devolução referente as parcelas vencidas, será desconsiderada a redução concedida desde a matrícula paga.

Financie seu Curso com o Crédito Educativo

O Crédito Educativo possibilita o financiamento de 50% das parcelas do curso, com prazo de restituição equivalente ao número de parcelas utilizadas.



Você também pode estar interessado em